Idõ  8 óra 42 perc

Koordináták 2204

Uploaded 2020. október 13.

Recorded október 2020

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
1 132 m
314 m
0
4,6
9,2
18,49 km

Megtekintve 251 alkalommal, letöltve 6 alkalommal

közel Ermelo, Vila Real (Portugal)

FOTOS DESTA E DE OUTRAS TRILHAS EM ”CAMINHANTES"


GRANDE ROTA DO PARQUE NATURAL DO ALVÃO 2020


Decorridos dois anos, voltamos ao Parque Natural do Alvão para a quarta edição da Grande Rota criada pelos “Caminhantes” em 2015 neste magnifico Parque Natural. Nesta edição introduzimos algumas alterações ao percurso, principalmente na primeira etapa, mas ainda não encontramos alternativa para a descida do Alto do Vaqueiro até à EN304, troço mais difícil da Grande Rota, particularmente este ano devido à densa vegetação de carqueja e giestas, não existindo qualquer trilho definido.

Trata-se de um percurso circular, com início e fim em Ermelo (Rua Principal), trilho não sinalizado, com a extensão de aproximadamente 42Kms, realizado em dois dias, com pernoita em Lamas de Olo, está inserido no Parque Natural do Alvão que oferece paisagens de rara beleza, permitindo o contacto com o mundo rural e um vasto património natural e cultural.

O Parque Natural do Alvão é uma área predominantemente natural, com um grande valor paisagístico, para o qual contribui a diversidade e riqueza do seu património natural. Esta área possui encantos naturais de grande valor, com destaque para as cascatas, que se podem encontrar ao longo do rio e numerosas lagoas e ribeiros de água límpida, as formas geológicas resultantes da erosão dos granitos.

Ao longo do trilho, podem observar-se paisagens de montanha: baldios rochosos e agrestes utilizados normalmente para pastagens do gado, grandes prados naturais de abundante riqueza florística e faunística, uma paisagem humanizada, onde é possível observar os campos agrícolas utilizados pelo Homem, normalmente localizados próximo das aldeias e linhas de água.


Miradouro Alto da Cabeça Grande


1ª ETAPA
GRANDE ROTA DO PARQUE NATURAL DO ALVÃO (ERMELO - LAMAS DE OLO)


Iniciamos o percurso na aldeia rural de Ermelo, onde a maioria das suas casas são em granito com telhados de xisto. Optamos por este lugar do município de Mondim de Basto por razões de alojamento. Planeamos a dormida em Lamas de Olo, numa Casa Rural Particular.

Seguimos o PR3 – Fisgas de Ermelo pela Rua Principal, e depois de percorrer sensivelmente 200m, cortamos à esquerda em direção ao rio Olo, por entre castanheiros e carvalhos chegamos ao rio, a travessia é feita por ponte em madeira - ponte de acesso à Capela de S. João.

A partir daqui o PR acompanha a margem direita do rio Olo, fizemos o desvio para as Piócas de Baixo e fora do PR seguimos até às escarpas de acesso ao miradouro da cascata das Fisgas, a subida é acentuada e sinuosa, que é compensado pela sua beleza. EVITAR A SUBIDA PELAS FRAGAS EM DIAS HUMIDOS, em alternativa continuar pelo PR3 até à capela e seguir pela estrada até ao miradouro. Trata-se de uma das maiores quedas de água de Portugal. Uma barreira de quartzitos forma um enorme socalco, separando a zona granítica da xistosa, mais vulnerável à erosão. Por isso, o trabalho milenar da água cavou um desnível de quase 200m, através do qual o rio Olo se despenha numa cascata deslumbrante.

No topo das quedas, a montante, situam-se belas lagoas usadas pelos veraneantes para banhos. Seguimos pelo estradão florestal até perto das Piócas de Cima, aqui atravessamos o Rio Olo, que nesta altura ia sem grande caudal, saltando de pedra em pedra. Já do lado contrario da margem seguimos em direção às Piócas de Cima e daqui descemos ao “Canhão das Fisgas”.


Canhão das Fisgas

Após apreciar a principal curiosidade geológica da região, as Cascata das Fisgas do Ermelo, continuamos caminho por estradão florestal até à aldeia rural de Varzigueto. A aldeia situa-se na proximidade imediata dos terrenos de cultivo, o gado bovino percorre as ruas nas suas lides rurais… Já na aldeia, fizemos a paragem para o almoço na TAVERNA MARTINS. Na taberna por encomenda podemos comer arroz de cabidela, cabrito, chanfana, cozido... tudo com carnes caseiras. Para os interessados aqui fica o contacto tef. 255382546.

Com o estomago aconchegado, com o farnel levado de casa e bebidas e café da taverna, voltamos ao percurso. Este ano fizemos uma alteração às edições anteriores (GR 2015, 2016 e 2017) seguimos para Norte, intersetamos a EM1204-1, atravessamos a ponte sobre o Rio Olo e cortamos à direita por caminho de terra em direção à aldeia rural de Pioledo.

Daqui, seguimos entre muros até à aldeia de Açureira. Atravessamos o casario e por caminho de pé posto chegamos à EM313. Cruzamos a estrada, entramos no “Caminho Casa da Floresta” que abandonamos logo de seguida para seguir por trilho mal definido até ao ponto mais alto da jornada, aos 1132m. Neste troço são visíveis as manchas de vegetação do estrato arbóreo e herbáceo, sendo também de destacar as grandes manchas de afloramentos rochosos, completamente modelados pelos agentes erosivos.

Do alto já avistamos Dornelas e mais ao fundo Lamas de Olo, objetivo do dia. Continuamos por trilho mal definido, agora a descer até encontrar o estradão que nos leva à entrada da pequena aldeia de Dornelas, pitoresca aldeia serrana onde avultam espigueiros e casas de granito cobertas de colmo. Seguimos a estrada municipal por 500 metros até encontrar a encruzilhada de caminhos, seguimos o caminho de terra à direita que por entre campos até à última aldeia rural deste trilho – LAMAS DE OLO, onde se pode contemplar algumas construções com arquitetura tradicional que refletem o modo de vida dos seus habitantes, como os moinhos e os espigueiros e na área envolvente da aldeia localizam-se os campos agrícolas.


Aldeia Rural de Lamas de Olo

Chegados à aldeia, local escolhido para a pernoita, fomos para a casa rural onde preparamos um magnífico jantar para repor as energias gastas e onde prolongamos o convívio entre os participantes.


FICHA TÉCNICA DA ETAPA
Realização: outubro 2020
Percurso: Ermelo - Fisgas de Ermelo - Varzigueto - Pioledo - Açureira - Dornelas - Lamas de Olo
Distancia: 18,5 km
Duração: 8h42min
Tempo em movimento: 5h13min
Tempo parado: 3h29min
Movimento médio: 3,54km/h
Acumulado positivo: 1544m
Acumulado negativo: 943m


TRILHA DAS ETAPAS
(1/2) ERMELO - LAMAS DE OLO
(2/2) LAMAS DE OLO - ERMELO

TRILHA COMPLETA
GRANDE ROTA DO PARQUE NATURAL DO ALVÃO 2020





Se gosta das nossas trilhas adicione a sua avaliação no final da página.
Obrigado pelo seu comentário e avaliação.

Si te gusta nuestras rutas haz tu propia valoración al final de la página.
Gracias por tu comentario y valoración.

If you like our trails, leave your own review at the end of the page.
Thank you for your comment and review.

A equipa Caminhantes
Waypoint

ERMELO

Waypoint

IGREJA DE ERMELO

Waypoint

PELOURINHO DE ERMELO

Waypoint

PONTE MADEIRA RIO OLO

Waypoint

DESVIO PIOCAS DE BAIXO

Waypoint

PIOCAS DE BAIXO

Waypoint

FRAGAS

Waypoint

MIRADOURO DAS FISGAS

Waypoint

PANORAMA DAS FISGAS

Waypoint

CANCELA DO MIRADOURO

Waypoint

TRAVESSIA RIO OLO

Waypoint

PIÓCAS DE CIMA

Waypoint

CANHÃO DAS FISGAS

Waypoint

MIRADOURO ALTO DA CABEÇA GRANDE

Waypoint

VARZIGUETO (TABERNA MARTINS)

Waypoint

RIO OLO

Waypoint

PIOLEDO

Waypoint

AÇUREIRA

Waypoint

CAMINHO CASA DA FLORESTA

Waypoint

LINHA DE ÁGUA

Waypoint

DORNELAS

Waypoint

CRUZEIRO

Waypoint

RIBEIRO DO VALE LONGO

Waypoint

LAMAS DE OLO

Waypoint

CASA RURAL (PERNOITA)

1 comment

  • Fernanda Pacheco 1 2020.12.05.

    I have followed this trail  View more

    Trilho surpreende no Alvão com passagem pelo canhão das fisgas.

You can or this trail